KonMari na prática

Como eu falei anteriormente aqui, o método KonMari é uma maneira mais eficiente de promover a arrumação de cômodos e itens na sua casa.

A seguir, algumas das grandes novidades que Marie Kondo propõe.

  • Muitas vezes nós fazemos a arrumação da casa por cômodos e Kondo sugere que ela seja feita por itens. Assim, você não vai arrumar seu quarto, mas as suas roupas. Com isso você vai juntar todas as peças que tem (mesmo as que estão pra secar ou até pra lavar) e fazer a seleção do que sai e do que fica. É uma ótima maneira de dimensionar tudo o que você tem.
  • Normalmente a arrumação leva vários dias, algumas pessoas gostam de fazer aos pouquinhos, em etapas. Kondo vai na contramão e indica fazer tudo em um dia só, de uma vez. E é preciso selecionar todos os itens que se quer para depois guardá-los.
  • As roupas são dobradas de uma maneira especial. Elas não são agrupadas uma em cima das outras. Elas devem ficar lado a lado, para que você consiga visualizar tudo o que tem e não use sempre as mesmas peças só porque elas estão “mais ao seu alcance do que as outras”.
  • Faça a arrumação sozinho e sem distrações. Kondo aponta que se você faz a arrumação na companhia de alguém (mãe ou companheiro, por exemplo) é grande a tendência de a pessoa te convencer a não se desfazer de seus pertences. Eu, por exemplo, abri mão de vários pares de sapato (15? 20?). Quando minha mãe viu os sapatos aqui em casa, não parou de me perguntar porque eu estava disposta a passá-los pra frente se ainda estavam bons. (Minha mãe pegou alguns pra ela, inclusive, apesar do meu protesto de que ela não os usaria.) É difícil para quem está de fora do processo observar você abrindo mão de inúmeros pertences e objetos pessoais. Stay Strong!
  • Tudo deve ter um lugar na casa. Marie Kondo diz que quando chega em casa esvazia tudo o que tem na bolsa e coloca cada item em seu devido lugar. Admito que não faço isso (preguiça!), mas é inegável que quando as coisas têm onde ficar, elas não ficam espalhadas pelos cantos. E mesmo quando ficam, ao arrumá-las, você já sabe onde elas devem ficar. Colocar as coisas no lugar já diminui a bagunça da casa em 50% no mínimo (estimativa aproximada).

IMG_20160519_110904_HDR[1]

Essa é uma visão geral do meu armário hoje (o gato não faz parte habitual do cenário.)

Na imagem acima, repare que:
  • Com menos sapatos, liberei espaço na sapateira pra guardar as bijous que antes viviam espalhadas no meu escritório.
  • As peças penduradas vão das mais pesadas, como casacos de inverno, para as mais leves, como camisas (e saias longas de tecido mais nobre).
  • As blusas e saias são dobradas uma ao lado das outras (com exceção de algumas peças pesadas, que arrumei de outro jeito).

Não sei se parece muito arrumado para você, ahahah, mas pra mim é um progresso inacreditável. Consigo ver tudo o que tenho, nada se perde ou fica sem uso.

Se você quer aplicar algumas ideias na sua casa, vale olhar os vídeos da Lavendaire, que mostra o processo dela com o método.

0

Clique no botão abaixo para seguir o Vivendo à Vista! e receber notificações via RSS
rss

Você pode gostar também

Sem comentários

Deixe uma resposta