THE BIRTHDAY CODE

[Este post é em homenagem à minha querida amiga e madrinha, Vanessa, que aguenta esse monte de bobagem que eu falo – e sigo. E também à minha outra amiga querida, ThaisThais, que não acreditou que eu faria esse texto.]

[Esse texto é uma palhaçada. Mas também não é.]

  *   *   *

 

Posso ser descrita como uma pessoa espontânea e easy going (e Gui tá aí pra falar que isso é mentira), mas se tem um assunto que levo a sério nessa vida, esse assunto é ANIVERSÁRIO.

Nem sei como tem gente que não gosta do próprio aniversário. Sério, se esse é o seu caso, vc está morto por dentro. Pq, diga pra mim, como NÃO GOSTAR de uma data tão maravilhosa?

Eu sempre gostei de aniversário. Já contei 80 vezes que, quando pequena, eu faltava às aulas no dia do meu aniversário pq tinha coisa mais relevante pra fazer do que ir pra escola nessa data. Quando a escola me passou a perna e começou a marcar provas nesse dia, eu mantinha um pouco do encanto da data indo pra aula de vestido (pq o amor por vestido e por saia é tão intenso quanto o amor por aniversários).

Imagem relacionada

Lily me representa.

E antes que você ache que sou egocêntrica, já digo que gosto de aniversário de forma geral. Acho especial mesmo quando não é o meu. E acho que todo mundo pode tornar essa data ainda mais festiva e memorável.

Pq, vejam, aniversário é festa, mas não é bagunça.

E sendo eu uma entusiasta do tema, aprendi algumas coisas importantes sobre a data e resolvi compartilhar com vcs no mês do meu aniversário (completo a mesma idade que o marceneiro carpinteiro mais famoso do mundo no próximo dia 21).

Seguem agora algumas regras (mas vc pode chamar de recomendações) do BIRTHDAY CODE – um guia.

 

Resultado de imagem para barney gif brocode

As regras estão separadas nas seguintes categorias:

  • Para aniversariantes;
  • Para família, amigos e outros seres vivos; e
  • Outras questões relevantes sobre o tema.

Let the fun begin!

 

# Para aniversariantes

  1. Compre um presente para você mesmo

Resultado de imagem para barney gif brocode

Um tempão atrás eu queria um perfume de presente, mas o frasquinho era caro e não tive coragem de pedir pra ninguém comprar. Até que me ocorreu que eu mesma podia pagar e me dar de aniversário. Desde então, virou  tradição. E digo que faz maravilhas por vc. Assim é possível garantir aquele presente caro/vergonhoso/besta sem culpa nenhuma e com certeza de recebimento.

  1. Garanta que você terá ao menos UM presente para abrir no DIA do seu aniversário ou… A regra do marshmallow

Essa regra é bastante controversa, mas comigo funciona maravilhas. É minha regra de ouro, junto com a #1.

Ela é chamada de regra do marshmallow baseada no experimento de mesmo nome. Saiba mais aqui.

Basicamente, eu acredito que os presentes de aniversário só podem ser abertos no efetivo dia de celebração do seu nascimento. Sou uma pessoa que compra (o meu presente e os dos outros) com bastante antecedência (ver seção “Para família, amigos e outros seres vivos, item 1”), mas eu nunca entrego o presente antes da data. Se você recebe antes, a euforia de ser presenteado se perde e, quando chega o seu dia de fato, você não tem nada para receber e eu acho isso uma tristeza inacreditável. Por isso eu guardo e espero.

Esse ano já comprei meu presente, que chegou aqui em casa em… agosto? Setembro? Enfim, tá na caixa, lacrado (como você vê na imagem ao lado, como prova). E será aberto apenas no dia 21 de novembro. Pq essa é a regra. Gui também já comprou meu presente. E literalmente, o que é meu tá guardado, hohoho.

Eu aplico essa regra ao Gui tb, que não parece muito fã da ideia. Mas eu acho importante, então ele espera.

Uma vez eu comprei pra ele um aparelho que faz música (ele que escolheu, não sei dizer bem o que era).

Comprei em abril.

Quando é o niver dele? Julho.

Adivinha o que eu fiz… = D

Obs.: A regra do marshmallow não vale para o caso de vc organizar uma festa antes ou depois da data de celebração do seu nascimento – neste caso, você pode abrir os presentes no momento em que os receber (ou que quiser).

  1. Faça listas

Outro item polêmico. Tem gente que é contra porque acha que “limita” as escolhas de presente. Como uma pessoa que já ganhou uma assadeira de peru de aniversário (que eu adorei, mãe, obrigada!), acredito que listas ajudam a direcionar os presentes para o gosto/interesse/necessidade do aniversariante.

Acho que não custa listar meia dúzia de opções para quem vai te presentear, sabe como? ;D

  1. Celebre

Imagem relacionada

Não precisa incorporar a Beyoncé pra comemorar (embora eu sempre recomende), mas acho importante fazer algo especial nesse dia. Você já tem que trabalhar que nem um cavalo, ir na academia, regular o consumo de chocolate… Que vida é essa que não sustenta uma indulgência? Nesse dia você pode.

Quer comer no restaurante caro? Vai lá.

Quer fazer 5 festas pra comemorar? Eu mesma já fiz 3 no mesmo ano, então tá mega liberado.

Quer se fantasiar e encher a cara de champagne e purpurina? Não sou eu quem vai te julgar, acredite.

[Só não acho legal abraçar o Netflix nesse dia, uma vez que nós sabemos que você faz isso diariamente.]

É importante marcar a ocasião.

  1. É o seu mês [Regra extra]

Assim que começa o mês de novembro eu já entro em “modo aniversário”, o que implica em duas coisas: 1, que eu fico faceira a cada 5 minutos pensando que minha comemoração está chegando e, 2, que é o meu mês e isso me permite certas regalias bobas nos próximos 21 dias.

Ontem, no clima do “meu mês de aniversário”, fiz duas tatuagens novas e ai ai, que alegria na vida. Aniversário é sobre isso, “alegria na vida”.

 

# Para família, amigos e outros seres vivos

  1. Planeje

Como falei no item 2 lá em cima, compro os presentes com antecedência. Aliás, eu AMO presentear. Minha irmã brinca que devia existir o P. A. (Presenteadores Anônimos) e que eu devia participar de reuniões desse grupo de apoio diariamente, porque eu realmente peso a mão na hora de dar presentes. E me parte o coração quando eu vou na festinha de alguém sem nada (desculpa, Bel, desculpa, Bruno!).

Sempre que possível, planeje. Geralmente uns 2 ou 3 meses antes da data eu já começo a pensar no que comprar (ou organizar ou fazer), especialmente para a família e para o marido. Assim, se precisar trocar alguma coisa, por exemplo, dá tempo. E você pode aproveitar promoções, não precisa se afobar no shopping pra achar alguma coisa (aliás, evite shoppings, compre de produtores locais maravilhosos e ajude as marcas autorais) e consegue de fato pensar em algo que combina com o aniversariante.

1.1 O presente

Presentear pode não ser a coisa mais fácil do mundo, mas é importante que você tenha em mente QUEM é o aniversariante e qual o gosto da pessoa. O erro mais comum que eu vejo é o presenteado receber algo que é a cara do presenteador – não, não, filho, esse momento não é sobre você, por mais que você ache o moedor de carne da Polishop a coisa mais incrível do mundo. Pro aniversariante pode não ser.

Já que você vai gastar seu dinheiro, não é legal usá-lo para adquirir algo que o presenteado realmente vai gostar e usar e ficar feliz de ter em casa?

 

  1. Ignore listas [apenas para nível avançado de presenteador]

Nem sempre. Mas às vezes – se você super conhece o aniversariante, percebeu que ele fez uma lista “tapa buraco” e sente que consegue algo melhor do que foi pedido – eu recomendo fortemente que você ignore a lista.

Minha irmã esse ano fez uma lista bem maluca de presentes de aniversário, que incluía biquínis e um cachecol.

*suspiros*

Ignorei tudo e segui meus instintos e meu conhecimento supremo em relação às preferências dela e fiz uma surpresa, que foi muito bem-vinda (se não foi, ela disfarçou bem). Acho legal também quando você compra algo que SABE que a pessoa nunca ia comprar na vida, mas que funciona pra ela. Aniversários são pra preencher essa lacuna também.

  1. Tenha uma faixa de ‘Feliz Aniversário’ em casa

Sim, falo sério. Eu mesma tenho 2, como você vê a seguir (uma, a outra é do Snoopy):

A imagem é só pra mostra a faixa, mas vai dizer que o Zébio não está emanando espírito festivo só pela presença da faixa na parede? ;D

 

Elas são ótimas, práticas e nos colocam no clima de comemoração instantaneamente. A nossa já foi usada em não sei quantas ocasiões. Pendure na parede de casa, cante um ‘parabéns’ cheio de amor, entregue o presente (na data do aniversário, como previamente discutido) e pronto: aniversariante arrebatado.

  1. Por mais que o aniversariante peça, nunca dê meias

Nunca.

  1. Se vc foi convidado para uma festinha, responda

Resultado de imagem para barney gif brocode

Já aconteceu de eu ser chamada pra um aniversário e não dar nem as horas pro aniversariante, ou seja, não fui e também não avisei que não ia. Mas aprendemos com os erros. Quando a pessoa te chama para celebrar esse momento com ela, valorize. Se possível, vá nem que seja só pra dar um cheiro no cangote da pessoa e ir embora. Ou agradeça o convite e explique que não poderá ir. Mas não seja uma toupeira mal-educada como eu. Aniversário é sempre importante (e um empenho de organizar) pro aniversariante. Respeite.

  1. Uma vez na vida, organize uma festa-surpresa

Fiz esse ano pra celebrar os 60 anos da minha mãe – e sério – foi uma das coisas mais legais da vida. Envolveu planilhas de excel e mobilizou a família, mas valeu mto a pena. É algo que você também levará como uma lembrança boa pra sempre.

 

# Outras questões relevantes sobre o tema

Vale-presente

Eu era veementemente contra vale-presentes, encarando-os como preguiçosos. Até que ganhei um vale-presente pra gastar em uma livraria e foi a coisa mais incrível do mundo. Depois disso até já dei vales de presente e foi um sucesso. Então a regra é: use-os desde que eles deem acesso a algo que o aniversariante MEGA AMA E QUEIRA e seja uma escolha certeira. Se vc vai dar um vale-presente da Renner só pq é a opção mais fácil, pare agora (aliás, pare de comprar na Renner se possível #dicadavida).

Felicitações

Muitas vezes não podemos comemorar essa data tão especial com o aniversariante, mas as felicitações são uma forma de mostrar nosso carinho. Felicitar alguém pelo seu aniversário é mostrar que aquela pessoa é importante na sua vida, que você está feliz pela existência dela e pelo fato de que vocês têm experiências compartilhadas – e espera que venham outras.

Você não tem esse sentimento em relação a todo mundo, óbvio, mas quando esse for o caso, faça o mínimo de esforço e escreva umas linhas de fato pensando na pessoa e no quanto você a quer bem. Custa investir 5 minutos do seu dia pra falar que a pessoa é legal e vc espera que ela seja feliz? CUSTA? Acredito que a gente pode mais que isso, vamos tentar?

[Embora eu mesma tenha esquecido de mandar uns parabéns esse ano… mas estamos trabalhando para atender a todos melhor.]

Você também pode inovar e mandar vídeos (eu fiz isso esse ano com a minha bff e a resposta dela foi a coisa mais linda), escrever uma cartinha, fazer um haikai.

O mais importante…

É o aniversariante se sentir querido e amado no seu dia. No fim não precisa seguir regra nenhuma, pode não dar presente (por sua conta e risco), pode não fazer festa, pois é o sentimento de que você foi lembrado e de que vc não está nessa vida em vão que tornam o aniversário uma das coisas mais incríveis do ano (Para entender esse sentimento, assistir A felicidade não se compra, que é um dos filmes mais lindos e maravilhosos de todos os tempos!, que não é sobre aniversário, mas eu acho que carrega o espírito das datas importantes e festivas da vida.)

Imagem relacionada

 

HBD!

[O último parágrafo foi uma clara tentativa de eu parecer menos intransigente e maluca sobre o tema, espero que tenha dado certo.]

[Importante: meu amor por aniversários é algo muito perturbador pessoal, e de nenhuma forma quero impor ou obrigar ninguém a nada, inclusive quando o assunto for o meu próprio aniversário. Vida que segue.]

 

1

Clique no botão abaixo para seguir o Vivendo à Vista! e receber notificações via RSS
rss

Você pode gostar também

Comentários (3)

  • Nelson Paps 5 meses ago Responder

    Filha,
    Fora do rigor dos temas burocráticos e acadêmicos quero te dizer, em sombra de dúvida, que foi o melhor texto que li de tua autoria. Leveza e descontração. Parabéns (e olhe que ainda não é de aniversário).

  • Nivia Bellos 5 meses ago Responder

    Admito que ri muito ao longo da leitura. Porque não só as imagens casam muito bom, como também eu te vejo no texto.
    Realmente, precisa existir o PA e eu não sou tão boa pra presente (como tu mesmo disse, eu mal sei fazer uma lista). Mas OK!
    Tu praticamente fez um tutorial para aniversariantes!

    Natália Bellos 5 meses ago Responder

    Vou salvar as pessoas uma alma por vez, Nivis, ahahahahaha.

Deixe uma resposta